INTENSIFICAR O TRABALHO DE BASE E MANTER OS TRABALHADORES MOBILIZADOS!

O ano de 2020 começou com mobilizações em diversos setores da classe trabalhadora, com destaque para os moedeiros, petroleiros e servidores do Dataprev, que com suas greves e manifestações, impulsionaram o calendário de lutas e continuam resistindo aos ataques. Enquanto isso, o governo de Jair Bolsonaro, com sua intransigência e…

Leia Mais...
NÃO À MILITARIZAÇÃO DO SERVIÇO PÚBLICO (TODA SOLIDARIEDADE AOS SERVIDORES DO INSS)

A Unidade Classista (UC) expressa a total solidariedade e apoio ao DIA NACIONAL DE LUTA EM DEFESA DO SERVIÇO PÚBLICO E CONTRA A MILITARIZAÇÃO DO INSS (no dia 14 de fevereiro). Compreendemos que é totalmente injustificável a aplicação do decreto nº 10.210/2020, onde o presidente da República de maneira corporativista,…

Leia Mais...
NOTA DA UC SOBRE A GREVE DO CPERS E O PACOTE DO LEITE (PSDB): 51 DIAS DE MUITA LUTA E RESISTÊNCIA: UMA CRÍTICA NECESSÁRIA

O Governador Eduardo Leite iniciou o ano de 2019, o primeiro de sua gestão, anunciando que faria uma “reforma” (desmonte) das carreiras do funcionalismo de nosso Estado. Começou, então, a preparar um pacote, que envolvia o fim das vantagens e benefícios que as diversas categorias conquistaram, a duras penas e…

Leia Mais...
CONSTRUIR A GREVE PETROLEIRA PARA DERROTAR A PRIVATIZAÇÃO DA PETROBRAS E DEMAIS ESTATAIS!

Nós da Unidade Classista saudamos calorosamente a greve petroleira e nos somamos aos lutadores da Petrobras que não poupam esforços para construí-la, de maneira bravia, em função de enfrentarmos tempos sombrios de arbitrariedade repressiva de um governo com elementos claramente fascistizantes e ultraliberais. O governo de Bolsonaro, Guedes, Mourão e…

Leia Mais...
NOTA DE REPÚDIO À DEMISSÃO ARBITRÁRIA DO FERROVIÁRIO LUCAS DAMETTO

A Unidade Classista repudia com veemência a demissão arbitrária, injusta e política do maquinista ferroviário Lucas Dametto, coordenador do Comitê de Luta contra a Privatização da CPTM. A demissão configura um gravíssimo ataque à liberdade de atuação sindical, já que não há qualquer queixa com relação à produtividade do trabalho…

Leia Mais...
NOTA DE SOLIDARIEDADE A PROFESSORA PATRÍCIA ANDRADE (IFPI), CONTRA A PERSEGUIÇÃO DE PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

Em tempos onde a classe trabalhadora necessita está organizada para enfrentar os ataques promovidos incessantemente pelo anti-governo Bolsonaro e seus anti-ministérios é preciso ter coragem contra a covardia. A professora Patrícia Andrade, docente do Instituto Federal do Piauí (IFPI) está sendo perseguida pelo grupamento ESCOLA SEM PARTIDO, que preparou um…

Leia Mais...